Manutenção de Hotel: Formar uma equipe de manutenção ou terceirizar?

A dúvida sobre formar uma equipe de manutenção ou terceirizar o serviço paira sobre a cabeça de praticamente todo gestor de hotel.

 

Manutenção de Hotel - Formar uma equipe de manutenção ou terceirizar
Designed by Freepik

 

A resposta não é exata.

Tudo vai depender das característica de seu estabelecimento.

Você precisará avaliar pontos importantes que te ajudarão a definir se para o seu hotel será melhor formar uma equipe de manutenção ou terceirizar o serviço.

#1 Manutenção de Hotel – O Porte do Hotel

Se seu estabelecimento é um hotel de grande porte formar uma equipe de manutenção própria pode ser bem interessante.

Isso porque grandes hotéis possuem um número elevado de quartos, de banheiros e geralmente possuem muitas áreas sociais que também são relativamente grandes.

Ou seja, no caso de hotéis de grande porte, são muitos ambientes a serem vistoriados e mantidos com a manutenção em dia.

A probabilidade de que haja uma alta frequência em chamados de manutenção é grande.

Dessa forma é melhor ter uma equipe interna de manutenção que estará disponível para atender a todos os chamados do que pagar um valor diferenciado para uma equipe terceirizada e ainda aguardar o agendamento da solução.

Agora, se seu hotel é de pequeno porte, terceirizar é sua melhor opção.

A demanda por manutenção será bem menor do que em um hotel de grande porte.

O que geralmente não justifica ter um custo fixo com uma equipe interna de manutenção.

#2 Manutenção de Hotel – A complexidade do Hotel

Se seu hotel possui um sistema de funcionamento complexo, com muitos níveis de hierarquia, e que para cada acionamento para manutenção seja necessário a autorização de várias pessoas até que o conserto seja aprovado e autorizado, você deve avaliar a possibilidade de formar sua própria equipe de manutenção.

Isso facilitará o processo e encurtará o tempo entre a solicitação da manutenção e a execução da mesma.

Outro critério de complexidade refere-se à complexidade dos equipamentos presentes em seu hotel.

Se forem de difícil manutenção talvez, para esses aparelhos, seja melhor ter um contrato de manutenção terceirizada.

ebook guia de redução de custo com manutenção de hoteis e pousadas

#3 Manutenção de Hotel – A localização do Hotel

Pode parecer bobeira, mas, não é.

A localização de seu hotel influencia na decisão de formar uma equipe interna de manutenção ou terceirizar o serviço.

Se seu hotel está localizado em uma região distante de empresas que prestem serviços de manutenção é melhor formar sua equipe interna.

A distância do estabelecimento encarece e muito no custo das visitas técnicas.

E você com certeza não vai preferir ficar pagando caro toda vez que precisar acionar o serviço de manutenção.

Além do mais, a localização de seu hotel também interferirá no prazo de execução da manutenção.

Quanto mais distante o hotel, maior o tempo entre a solicitação do serviço e a sua execução.

Uma equipe interna de manutenção estará disponível a todo momento, sem perder tempo de locomoção ou encarecer o serviço do conserto realizado.

#4 Manutenção de Hotel – Terceirização apenas de alguns tipos de manutenção

Quando se fala em manutenção de hotéis e pousadas, existem reparos muito simples de serem feitos, mas, também alguns reparos complexos.

Por isso, uma outra opção é ter uma equipe de manutenção interna para reparos gerais mais simples e terceirizar os reparos mais específicos como o de ar-condicionado e de elevador.

Responsabilidades da Equipe de Manutenção

Caso você opte por montar sua própria equipe de manutenção, ela deverá ser bem organizada e estruturada.

O uso de ferramentas, o registro de cada solicitação de manutenção, o controle dos serviços realizados, tudo deverá ser registrado e acompanhado pelo líder da equipe ou superior imediato.

O setor de manutenção deve exercer o controle sobre:

– materiais e ferramentas retirados pelos funcionários;

– serviço de manutenção executado pelos funcionários;

– custo de manutenção por equipamento;

– assistência fornecida por empresas especializadas;

– todos os serviços executados pelo setor;

– registro das chamadas feitas aos serviços terceirizados.

– etc.

Avalie qual dessas opções é a melhor para o seu negócio. E mãos à obra.

Lembre-se: manutenção em dia é sinônimo de clientes satisfeitos.

Um grande abraço da Equipe da Idral.